Onde encontrar bons designers para fazer o logotipo da minha empresa?

Colaboração, essa sempre foi uma das palavras preferidas da internet. Com seu poder de amarrar de forma bem prática duas pontas em prol de um objetivo — tanto o lado que precisa dele quanto o que pode concretizá-lo —, essa rede é hoje também um ambiente favorável para que qualquer marca possa achar algum bom designer pronto para desenvolver qualquer tipo de projeto gráfico, de logotipos comerciais até criação de sites completos. E graças ao sistema de concorrência criativa, utilizado pela We Do Logos, isso tem se tornado ainda mais fácil.

Saiba agora como funciona esse sistema e como usá-lo para encontrar os designers certos para o seu projeto.

Crowdsourcing: uma ideia que sempre funcionou na internet

Bem, para falar a verdade, o que chamamos de concorrência criativa tem outro nome mais técnico: crowdsourcing. Misturando as palavras crowd (multidão) e outsourcing (terceirizado), esse sistema vem de tempos bem anteriores à web, que com o surgimento da internet ganhou mais destaque por causa de sua facilidade em reunir pessoas, colocá-las para resolver problemas e trabalharem em diversos projetos.

Hoje, sites como a Wikipedia e até sistemas complexos como o Linux são desenvolvidos graças a sistemas de crowdsourcing, que buscam através da rede os melhores profissionais para realizar tarefas para esses projetos. A ideia é de que muitas cabeças são melhores para encontrar uma solução do que apenas uma — e por isso a gente aposta nesse tipo de trabalho.

when_crowdsourcing_and_language_lessons_meet

Como funciona a concorrência criativa no segmento de design

Todo designer depende de produzir e expor bons trabalhos para que possa conseguir novos clientes (ou até mesmo alguma vaga no mercado). De olho nisso, a We Do Logos fornece para esses profissionais um espaço onde eles possam exibir os seus portfólios e também enviar suas propostas para captar um determinado projeto de alguma empresa — que estipula seu preço mínimo e, a partir daí, recebe os trabalhos dos interessados para decidir a quem contratar e quanto pagar.

Depois disso, assim como acontece nas concorrências do mercado publicitário, aquela proposta é comparada com as de outros profissionais e a melhor é aprovada pelo cliente. Uma forma bem mais prática, barata e eficiente de desenvolver um material gráfico em comparação com o mesmo trabalho realizado por agências e estúdios de design.

O problema das agências

Apesar de existirem milhares de boas agências e estúdios de design espalhados pelo mundo, em todos os casos o mesmo problema costuma se repetir: a relação custo-benefício.

Empresas especializadas em planejar e produzir peças gráficas precisam arcar com uma quantidade bastante alta de despesas — incluindo os salários dos profissionais — que, no final das contas, acabam sendo pagas através dos contratos dos clientes. No entanto, pensando pelo lado do cliente, quando ele paga pelo contrato com aquela agência, não necessariamente está obtendo a mão de obra do melhor profissional de lá ou daquele que tenha o perfil mais compatível com o seu, uma vez que não é ele quem decide quem vai atendê-lo nas tarefas.

Além disso, por causa de seus vários trâmites internos, quando um cliente pede alguma alteração ou planejamento de um novo projeto para a agência, muitas vezes aquele trabalho acaba levando muito mais tempo para ser desenvolvido do que se fosse feito diretamente com o profissional.

Com tudo isso em mente, quando somamos esses fatos percebemos que o trabalho feito por uma agência, além de ser mais caro e mais lento, também não traz uma qualidade maior do que o dos freelancers. Freelancers esses que, vale dizer, em muitos casos também trabalham ou já trabalharam em grandes agências, mas que agora podem ter adotado o sistema de home office — e para esses casos, já demos algumas dicas por aqui.

Logo, encontrar um designer com um perfil parecido com aquele que você procura de trabalho pode ser uma saída muito melhor do que contratar os serviços de uma agência.

Veja também:

Economize tempo e dinheiro contratando a We Do Logos
O futuro é agora: We Do Logos na revista Pequenas Empresas Grande Negócios 
Entenda a diferença entre contratar a We Do Logos, uma agência ou gráfica

Por que contratar um designer freelancer

22-03-2013-1

Se mesmo com tudo que já dissemos por aqui você ainda estiver com alguma dúvida quanto ao trabalho de um designer freelancer, levantamos outros pontos que podem te ajudar a pensar melhor sobre essa opção.

Você vai contratar a única pessoa responsável por aquele portfólio

Quando você olha o portfólio de uma agência ou de um estúdio de design, você está vendo vários trabalhos de vários profissionais diferentes. Ou seja: por mais que você tenha gostado de um ou outro projeto, nada te garante que as suas artes virão com aquela mesma qualidade, algo que não acontece quando você contrata os trabalhos de um freelancer.

Se você se interessar por um profissional desses, com um bom portfólio, terá uma garantia de que o seu trabalho terá o mesmo padrão de qualidade, afinal, ele foi o único responsável por tudo que chamou a sua atenção.

Revisões mais rápidas

Em caso de alguma revisão, por ter um contato direto com o freelancer, suas alterações também serão realizadas num prazo bem menor do que seriam se fossem feitas por uma outra empresa.

A qualidade do seu trabalho será mais assertiva

Ao confiar no trabalho de um freelancer, você conta com as técnicas daquele profissional e, caso não concorde com alguma coisa, pode debater diretamente com ele sobre alguma outra saída, evitando assim que seu projeto sofra por ruídos vindos de outras pessoas.

Você economizará tempo e dinheiro

Contratar designers freelancers através da espaços de concorrência criativa, como a We Do Logos, ajuda você a economizar tempo e dinheiro. Com um deadline bem definido e uma relação mais direta com o profissional, nosso sistema ajuda sua empresa a ir direto para a melhor saída gráfica de um projeto, evitando muitos retrabalhos e cortando caminho na comunicação.

Melhor do que contratar os serviços de um agência, mais ainda, do que a procurar um daqueles sites comlogotipos grátis — evite sempre essa opção —, encontrar bons designers através da nossa ferramenta de concorrência criativa pode ser uma saída bem prática e barata pra você que busca um serviço de qualidade. Por isso, quando pensar em produzir alguma peça, não se esqueça de dar uma olhada nos trabalhos dos nossos freelancers!

Você já se deu bem contratando algum designer freelancer? O que acha desse modelo de serviços? Conte para gente o que achou do nosso post e compartilhe também suas dúvidas sobre o assunto!

  • Veja o portfólio de projetos finalizados pela plataforma.
  • Confira um case de sucesso da empresa Point do Macarrão!
  • Assista o surgimento da We Do Logos na série “Vai que dá” da Endeavor!

Pedro Renan

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s